Por que choro?

emotion-1465151_640Por que choro? Choro porque estou farta. Farta de tanta injustiça, farta da maldade humana. Farta da crueldade que assola nossas vidas, invade nossas casas, maltrata nossas crianças. Então transbordo! Choro quando vejo uma criança agredida, relegada, morta. Inocentes! Ricos anjos de tenra idade já sofrendo nessa vida dura. Choro porque sou mãe e ser mãe dói. Quando vejo uma mãe chorar a morte do seu filho, eu choro junto. Espécie de empatia entre mães. Não fico indiferente. Não consigo ficar. Não importa quem seja o filho, qual sua condição. Choro quando me coloco no lugar delas, desasadas de seus pintinhos. Pobres criaturas que passam a viver por mera insistência. Choro porque no meu peito bate um coração de mãe. E um coração de mãe sempre será solidário ao coração de outra mãe. Porque amor por filho é coisa sem medida. É coisa sem explicação. É coisa que não pertence a esse mundo bandido. É amor demais para passar despercebido. É amor que dói. E por isso choro. Choro porque a maldade me fere mesmo que não me atinja. Eu, na minha pequenez, não sou capaz compreendê-la, de perdoá-la. Estou farta! E apesar de farta, a vida não me faz dura. Ao revés, me faz mole. De coração mole. Mole e teimosa, porque apesar do choro continuo a acreditar na vida. E então choro. Choro porque estou farta. Choro porque sou sensível. Choro porque sou solidária. Choro porque sou mãe. Choro porque resisto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s